Imagem

Busca

Jun / 2010 - Abre Aspas - Célio Brovino Porto

Célio Brovino Porto,  Secretário de Relações Internacionais do Agronegócio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).Disposto a abrir novos mercados para os produtos agropecuários brasileiros, o secretário de Relações Internacionais do Agronegócio, Célio Porto, não desperdiça oportunidade para iniciar uma negociação. Pega carona com a comitiva presidencial para ir à Rússia, viaja a Tóquio juntamente com o pessoal do Itamaraty e, se necessário for, preenche 47 quilos de documentos para comprovar às autoridades japonesas que produtores e frigoríficos brasileiros levam a sério a questão sanitária.Nesta ...

Abr / 2010 - Especiais - 18° Fórum Abag - Abertura

No processo de elaboração dos pleitos do agronegócio para o próximo mandato presidencial (2011 a 2014), a Abag apresenta a primeira versão do documento dividido em três blocos.O primeiro traz o cenário de médio e longo prazos da produção de grãos e carnes, com base em recentes estudos elaborados pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) e a Assessoria de Gestão Estratégica do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (AGE/MAPA).O segundo traça uma retrospectiva mais de curto prazo, tendo em vista o movimento cíclico da produção agropecuária. Um diagnóstico da variação pendular entre um período de...

Abr / 2010 - Especiais - 18° Fórum Abag - Avaliação e opinião

Próximos passosRoberto Rodrigues, Coordenador do GV AgroComo o documento aqui tratado é para os candidatos, que têm pouco tempo para ler, precisamos de um texto consistente, claro e com metas bem explicadas. Vamos resumir a quantidade de itens e elaborar o sumário executivoLembro-me das propostas feitas no 1º Congresso da Abag, dos “Dez Cs do Agronegócio”, em 2002. Tínhamos o que precisava ser feito e como teria que ser feito. Destacamos as leis e os artigos que tinham de mudar. Quanto à ordem das propostas, aquela que diz respeito ao orçamento e o papel do MAPA deveria ser a última. A primeira seria a da montagem institucional. ...

Abr / 2010 - Especiais - 18° Fórum Abag - Cenário interno

Agronegócio para o planetaO Brasil é um dos principais celeiros na produção e comercialização de produtos agroindustriais. Depois dos Estados Unidos e da União Europeia, o País é o terceiro maior exportador mundial, na frente do Canadá, da Austrália e da China. Esse desempenho ocorre mesmo com as barreiras técnicas, como os problemas sanitários, que fazem com que muito mercados se fechem, depreciem e impeçam o acesso de produtos nacionais.Existem produtos brasileiros com enorme potencial para se agregar àqueles que já ocupam as primeiras posições no ranking das exportações. Mesmo com o consumo interno sendo o grande destino da produção...

Abr / 2010 - Especiais - 18° Fórum Abag - Introdução

Carlo Lovatelli, presidente da AbagMuito bom dia aos amigos da Abag. Nossos sinceros agradecimentos pela presença neste 18º Fórum Abag. Estamos no ponto de partida para cumprir com esmero uma agenda intensa de trabalho. Com as eleições para a Presidência da República, de governadores de estados, e de parlamentares para o Congresso Nacional, este é um ano de significativa importância para todos nós. Os próximos meses se mostrarão tensos e dramáticos. Não temos a mínima dúvida disso.Nesse contexto, o 9° Congresso Brasileiro de Agribusiness, que será realizado em 9 de agosto próximo, desenvolverá com muita tempestividade o tema Cenário 20...

Abr / 2010 - Especiais - 18° Fórum Abag - Mercado externo

Mais bocas para alimentarCom a crise econômica e o aumento dos preços dos combustíveis e alimentos no biênio 2007 e 2008, a situação das zonas rurais dos países em desenvolvimento sofreu dramática deterioração. Além de serem as mais afetadas pelo contexto adverso, as pessoas na linha de pobreza também são prejudicadas com o aumento dos índices de desemprego. Com isso, a quantidade de pessoas a padecer de fome subiu no mundo para 1.020 milhões.Para a FAO, que utiliza previsões de mais longo prazo de população, a produção de alimentos mundial terá de aumentar entre 40% e 70% até 2050, em comparação aos níveis médios do período de 2005-07. O ...

Abr / 2010 - Especiais - 18° Fórum Abag - Propostas para o candidato

1. Orçamento e o papel do MAPAContexto Sensível às mudanças conjunturais e estruturais do seu ambiente de negócio, a agropecuária precisa contar com o apoio e a regulamentação do Estado para ter mais estabilidade ante as forças de mercado. As questões envolvem muitas frentes, desde a pesquisa e sanidade até os aspectos fundiários e ambientais. Infelizmente, a participação do MAPA no Orçamento Geral da União mostra uma tendência declinante nos últimos trinta anos: caiu de 7,5% para 1,88% de 1980 a 1990. Em 2000 estava com 1,61%, enquanto em 2009 ficou com 1,00%. De 2003 a 2009, o MDA passou a absorver mais de 30% do orçamento do MAPA....

Mar / 2010 - Mercado & Negócios - 30 anos de publicação

Agroanalysis celebra seu volume de número 30 neste ano. A edição passada trouxe os principais registros selecionados do período de 1977 a 2002. Agora, para completar o ciclo de sua existência, a revista traz uma breve retrospectiva das matérias editadas de 2003 a 2009. Retrospectiva 2003 a 20092003 - Lançamento do carro flex- Desde 1995, as decisões sobre a liberação dos transgênicos no Brasil continuam sujeitas a marchas e contramarchas. Empresas, empresários e governo tentam encontrar uma saída para o imbroglio jurídico que se formou exatamente pela falta de consenso entre as partes no assunto. Em março, o governo decide manter a p...

Mai / 2008 - Editorial - Segurança alimentar e energética

A escalada-de preços das commodities minerais e do petróleo superam de longe as que-ocorrem nas agrícolas. Interessante nessa constatação é o fato das duas-primeiras fazerem parte da formação dos custos da terceira. Em muitas regiões-brasileiras, principalmente as mais distantes dos portos e dos grandes centros-de consumo, as projeções de receita e despesa não apontam para um quadro tão-favorável como parece à primeira vista. A intensa subida dos preços de-fertilizantes é uma fonte de preocupação justificável não apenas aqui, no-Brasil, mas em todo o mundo.O-desempenho da safra mundial de 2008/09 terá grandes influências nas ten...

Mai / 2008 - Gestão - Enfrentar as barreiras técnicas

A-Organização Mundial de Comércio (OMC) considera como barreiras comerciais a:-• Utilização-de normas ou regulamentos técnicos não-transparentes ou não-embasados em normas-internacionais aceitas;• Adoção de-procedimentos de avaliação de conformidade não-transparente muito dispendiosas,-bem como de inspeções execessivamente rigorosas.Como os-processos atuais de liberalização dos mercados se pautam na eliminação-gradativa das barreiras tarifárias, as condições sobre barreiras não-tarifárias-ganham cada vez mais importância nas análises sobre as vantagens de promover o-comércio exterior.As-barreiras comerciais se dividem ...